C.A.T.S. Maquinas recuperadoras de sangue. Hipocrisia das TJs

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

C.A.T.S. Maquinas recuperadoras de sangue. Hipocrisia das TJs

Mensagem por Regis Medina em Qua Set 29, 2010 8:35 am



O legalismo cria situações curiosas. Toda religião legalista acaba inventando leis ou brechas para burlar a própria lei que inventou. Os judeus por exemplo, não poderiam andar num sábado alem de uma certa distancia de sua casa. Problema? Não. Basta comprar uma casa nos limites de distancia de sua primeira, e assim os mais ricos faziam (e fazem). E as TJs que inventaram uma interpretação com respeito a proibir uma transfusão de sangue? Elas burlam a própria lei para receber uma transfusão de sangue?


As testemunhas de Jeová faz alguns anos tem a liberdade de (se for possivel $$$) ter em cirurgia uma dos vários modelos de maquinas recuperadoras de sangue. Elas alegam que isso é uma extensão de sua circulação sendo assim considerado como que não tenha saido do corpo. Só tem alguns poréns...



Em primeiro lugar elas nunca mencionam o nome verdadeiro dessas maquinas que são "Maquinas de Transfusão Autóloga de sangue". SIM TRANSFUSÃO DE SANGUE. É quase engraçado ver como mencionam tanto essa maquina, mas em nenhum momento falam o termo correto que alias esta em todo modelo e marca delas. Então em primeiro lugar as TJs embora na maioria não saibam, mas já podem fazer sim uma transfusão própria do sangue.


Segundo lugar vem a dissimulação de informação, dizer que esta maquina é uma maquina como de circulação extra corpórea é uma grande mentira, ou melhor um auto engano. Maquinas de circulação continua de verdade são hemodialisadoras ou maquinas coração-pulmão, que nada tem haver no funcionamento com a de transfusão. Maquinas de circulação extra-corpórea o sangue não entra em contato com o ar, não saem dos vasos naturais ou artificiais, e realmente tem um fluxo continuo. É assim com as "Recuperadoras de sangue"?

NÃO. De forma alguma. No caso das "Recuperadoras" como o nome já diz é uma recuperação de sangue que vazou, é uma maquina que não esta ligada inicialmente a um vaso sanguíneo, mas sim é um aspirador que coleta de cavidades parte do sangue que se perde. É sangue de origem arterial e venoso misturado (em uma circulação normal não se cruzam), mesmo aspirado ele não pode ser transfundido imediatamente de volta, pois ele pode ter, coágulos, pedaços de tecidos (pele, músculos, ossos), então ele tem de ser filtrado, hidratado com soluções salinas, estocado em uma bolsa e por fim transfundido de volta.


Conclusão

Testemunhas de Jeová estão na verdade permitidas a fazer transfusão de sangue autólogo, algo até então proibido só que se muda o nome e esconde do que se trata.

Uma TJ comum, não entende essa hipocrisia, a COLIH e as publicações das testemunhas de Jeová escondem que se trata de uma simples e completa transfusão de sangue.
As armadilhas do legalismo fazem das testemunhas de Jeová suas próprias vitimas que inventam desculpas e mais desculpas para burlar as próprias regras que inventam. Seria muito mais honesto e responsável permitir as transfusões de sangue abertamente como questão de consciência, do que permitir que apenas algumas poucas testemunhas de Jeová com acesso, posam ter esta forma de transfusão de sangue camuflada como se fosse outra coisa.

O cumulo desta distorção da realidade colocada na cabeça das testemunhas de Jeová é que as maquinas recuperadoras de sangue são apresentadas como "Método de cirurgia sem sangue"

Seria uma piada engraçada se não matasse pessoas.

Confira aqui o que diz um dos fabricantes de maquinas recuperadoras de sangue:
http://www.fresenius-transfusion.com.br ... .asp?men=5

avatar
Regis Medina
Admin

Mensagens : 625
Data de inscrição : 28/09/2010
Idade : 47

Ver perfil do usuário http://exjeovaceticos.foro.bz

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: C.A.T.S. Maquinas recuperadoras de sangue. Hipocrisia das TJs

Mensagem por Regis Medina em Sex Out 21, 2011 10:54 am

Fui convidado a postar essa matéria no fórum de EX TJs de Portugal.Fórum Testemunhas de Jeová

E fui informado que ocorreram mudanças das quais eu estou desatualizado em relação ao que pode e não pode sobre a sangue no caso de reaproveitamento de sangue e estocagem.
Segue um pouco do que foi escrito lá.

por Regis Medina Ontem à(s) 21:16

Na A Sentinela de 15/10/2000 que o site do TJ Curioso cita diz o seguinte nas Perguntas dos leitores:


Às vezes, o médico incentiva o paciente a se submeter à coleta de seu próprio sangue semanas antes da cirurgia (doação autóloga pré-operatória, ou DAPO) para que, se houver necessidade, ele possa transfundir o sangue do próprio paciente. Contudo, o ato de coletar, armazenar e transfundir o sangue é diretamente contrário ao que é dito em Levítico e em Deuteronômio. (É aí que a Torre confunde todo mundo no pode e não pode para coisas com o mesmo principio)
O sangue não deve ser armazenado; deve ser derramado — devolvido a Deus, por assim dizer. É verdade que a Lei mosaica não está mais em vigor. Contudo, as Testemunhas de Jeová respeitam os princípios que Deus incluiu nela, e estão decididas a ‘abster-se de sangue’. Por isso, não doamos sangue, nem armazenamos para transfusão nosso sangue, que deve ser ‘derramado’. Essa prática entra em conflito com a lei de Deus.
Outros procedimentos ou testes envolvendo o sangue da própria pessoa não entram tão claramente em conflito com os princípios declarados por Deus. Por exemplo, muitos cristãos permitem que parte de seu sangue seja retirada para fazer testes ou análises, após o que o sangue é descartado. Às vezes, os médicos também recomendam outros procedimentos mais complexos envolvendo o sangue.
Por exemplo, durante certos procedimentos cirúrgicos, parte do sangue do paciente pode ser desviada do corpo num processo chamado hemodiluição. O sangue que continua no corpo do paciente é diluído. Algum tempo depois, (Quanto tempo mesmo? Algum... ) aquele sangue que se encontra no circuito externo é reinfundido em seu corpo, fazendo com que a contagem de células sanguíneas fique mais próxima do normal. Similarmente, o sangue que sai de uma incisão pode ser recolhido e filtrado para que os glóbulos vermelhos sejam devolvidos ao paciente; isso é chamado de recuperação sanguínea. Num processo diferente, o sangue pode ser desviado para um aparelho que temporariamente exerce a função normalmente desempenhada por órgãos do corpo (como coração, pulmões ou rins). Depois, o sangue que está no aparelho é reinfundido no paciente. Em outros procedimentos, o sangue é desviado para uma centrífuga a fim de que as partes prejudiciais ou defeituosas possam ser eliminadas. Ou talvez o objetivo seja isolar certa quantidade de um componente do sangue e aplicá-la em outra parte do corpo. Há também testes em que uma quantidade do sangue é retirada com o objetivo de ser marcada ou misturada com medicamento, após o que é reintroduzida no paciente.
Os detalhes podem variar, e certamente surgirão novos procedimentos, tratamentos e testes. Não nos cabe analisar cada variação e apresentar uma decisão. Cada cristão deve decidir como seu próprio sangue será manipulado no decorrer de um procedimento cirúrgico, (Mudou muito a posição da Torre aqui) exame médico ou terapia que o paciente está recebendo no momento. Ele deve obter do médico ou do técnico, com antecedência, os fatos sobre o que pode ser feito com seu sangue durante o procedimento. Então, deve decidir de acordo com sua consciência.

Resumindo de forma simples o que os artigos da Watchtower que o TJ Curioso cita em seu site, podemos dizer que a Torre de Vigia aplica um principio comum em cozinhas de restaurante, a famosa "Regra dos Dez segundos".

É assim: Cozinheiro fritando o bife erra e o derruba no chão. Todos na cozinha que veem o acontecido começam a contar - 1, 2, 3, 4, 5, 6... Se pegar antes do dez tá valendo e vai para o prato do cliente.

Na versão da Torre, não pode com semanas de antecedência, mas eles contam bem mais que dez segundos.
avatar
Regis Medina
Admin

Mensagens : 625
Data de inscrição : 28/09/2010
Idade : 47

Ver perfil do usuário http://exjeovaceticos.foro.bz

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: C.A.T.S. Maquinas recuperadoras de sangue. Hipocrisia das TJs

Mensagem por Regis Medina em Sex Out 21, 2011 11:11 am

por Regis Medina Hoje à(s) 10:40

É perfeitamente possível simplificar a atual doutrina das Testemunhas de Jeová, a confusão nos detalhes é proposital pois visa exatamente omitir as contradições.

Falante especificamente do caso de transfusão autóloga ficou assim:

* Retirar e estocar sangue próprio semanas antes de uma cirurgia é claramente proibido.

* Retirar, preparar e estocar sangue durante a cirurgia é permitido se sua consciência não o incomodar (ou seu medo de morrer for maior)


A maquina de recuperação do sangue:

* É uma das formas de se fazer transfusão de sangue.

* Somente funciona recuperando um sangue derramado.

* Não é circulação extracorpórea.

* Estoca sangue sem vinculo direto com a circulação.

* Transfunde o sangue recuperado através da ação da gravidade suspendendo uma bolsa de sangue exatamente como da forma convencional.

Detalhes
Porque não infundir o sangue diretamente da maquina no paciente?

Isso é possível, mas exige maior segurança e tem maiores riscos.
Para se infundir sangue em grande velocidade, precisa de vários sensores e sistemas de segurança contra possíveis formas de embolia e hemolise.
O acesso venoso tem de ser muito calibroso, veia jugular, subclávia ou femural são as normalmente possíveis. São acessos difíceis e não por punção comum, mas pequenas cirurgias para implantação de cateteres calibrosos (em geral duplo lumen como em hemodialise). Processo bem dolorido mesmo com anestesia local, alem ter outros riscos envolvidos com sua implantação. As maquinas de autotransfusão não usam esse sistema por conta dessas complicações e talvez muitas outras mais como o possível aumento do uso de anticoagulantes para sua operação, o que convenhamos não é algo bom em se tratando de uma cirurgia em andamento onde não se quer perder sangue.

A Torre cria então uma estranha regra onde não estabelece o TEMPO LIMITE em que o sangue pode ser retirado e estocado.
Apenas diz que semanas é errado.

Mas e uma semana e seis dias? Se levar ao pé da letra parece que nenhum ancião vai poder te incriminar.


avatar
Regis Medina
Admin

Mensagens : 625
Data de inscrição : 28/09/2010
Idade : 47

Ver perfil do usuário http://exjeovaceticos.foro.bz

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: C.A.T.S. Maquinas recuperadoras de sangue. Hipocrisia das TJs

Mensagem por Johannes em Sex Out 21, 2011 11:20 am

Esse para mim é o pior problema das TJ's!

Imagina alguém que perde alguém por causa dessa maluquice e depois de algum tempo descobre oque realmente é a Torre?

E o pior é que eles não estão nem mais conseguindo disfarçar que isso é uma batata quente que não querem ficar na mão! Minha mãe fez uma cirurgia na perna um pouco antes de nós sairmos da Torre, e o descaso (e despreparo) que os anciãos tinham sobre isso me deixou com uma pulga atrás da orelha!

Uma dúvida Regis, já que vc é da área da saúde, esses equipamentos são comuns em hospitais ou somente estão disponíveis em hospitais mais especializados?
avatar
Johannes

Mensagens : 380
Data de inscrição : 10/10/2010
Idade : 35
Localização : Rio Grande do Sul

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: C.A.T.S. Maquinas recuperadoras de sangue. Hipocrisia das TJs

Mensagem por Regis Medina em Sex Out 21, 2011 11:32 am

Só nos mais especializados Johannes. Não tenho certeza mas parece que tem em centros de referencia da rede publica de São Paulo. Aqui em Sorocaba o hospital regional que é centro de referencia não tem.
Um caso de MS que está no momento sendo colocado na mídia (de forma torcida) pela COLIH, tiveram de trazer a maquina de São Paulo.
Claro de sem nenhum detalhe de quem onerou por isso.
avatar
Regis Medina
Admin

Mensagens : 625
Data de inscrição : 28/09/2010
Idade : 47

Ver perfil do usuário http://exjeovaceticos.foro.bz

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: C.A.T.S. Maquinas recuperadoras de sangue. Hipocrisia das TJs

Mensagem por Johannes em Sex Out 21, 2011 11:35 am

Que caso é esse Regis, tem algum link?

Com certeza quem pagou por isso são meia dúzias de anciãos, porque a Torre nessas horas lava as mãos.
avatar
Johannes

Mensagens : 380
Data de inscrição : 10/10/2010
Idade : 35
Localização : Rio Grande do Sul

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: C.A.T.S. Maquinas recuperadoras de sangue. Hipocrisia das TJs

Mensagem por Regis Medina em Sex Out 21, 2011 11:43 am

avatar
Regis Medina
Admin

Mensagens : 625
Data de inscrição : 28/09/2010
Idade : 47

Ver perfil do usuário http://exjeovaceticos.foro.bz

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: C.A.T.S. Maquinas recuperadoras de sangue. Hipocrisia das TJs

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum